10 motivos para usar o robô de lances com o novo Decreto

10 motivos para usar o robô de lances com o novo Decreto

Será que, com o Decreto 10.024/19, o robô de lances não será mais útil? Listamos 10 motivos para que você possa tirar essa dúvida.

O novo decreto do pregão eletrônico e o robô de lances

No último texto publicado no blog (que você pode conferir clicando aqui) abordamos sobre uma indagação que vem se tornando constante entre os licitantes depois da publicação do Decreto 10.024/19.

Como ficará o robô de lances nos pregões eletrônicos? A automação do envio de lances deixará de existir, ou continuará operando normalmente?

A dúvida é compreensível (e válida), mas algumas considerações acerca do destino da ferramenta que automatiza os lances nas disputas do pregão são, certamente, precipitadas e ingênuas.

Ao contrário do que alguns pensam, a administração não rejeita ou condena o uso de tecnologia no processo de compras públicas. Muito diferentemente disto, como abordaremos no texto seguinte, os recursos tecnológicos estão se tornando um forte aliado do governo em suas contratações.

Em resposta a essas pessoas, se torna importante esclarecer que, contrariamente ao que estão propagando, neste “novo enredo” do pregão eletrônico o “personagem” no robô não figura como o grande opositor a ser combatido.

Mas o robô não se tornará dispensável?

A resposta da pergunta acima pode ser bem simples e honesta:

Sim, o robô de lances pode ser dispensável para algumas empresas.

Para a empresa que não pretende participar de muitas licitações ao longo de um ano. Para a empresa que não vê vantagens econômicas em fornecer para o governo. Para a empresa que ainda não percebeu que o pregão eletrônico já é regra. E para a empresa que, segura de todas as suas ações manuais, decide abrir mão de recursos tecnológicos e que automatizam processos.

Agora, se você representa uma empresa que não se enquadra na descrição acima, queremos lhe informar: o robô de lances pode vir a ser um grande aliado seu no árduo processo que (ainda) é fornecer para a administração pública.

Mesmo com o novo Decreto do pregão eletrônico.

Ainda mais com os novos modos de disputa.

Para comprovar o que nos propomos neste texto, queremos listar os 10 principais motivos pelos quais valerão a pena contar com a ajuda de uma ferramenta de automatização nos novos modos de disputa do pregão eletrônico.

Muito mais que desempenho.

Sabe quando conhecemos uma pessoa e, ao longo do tempo vamos descobrindo novas qualidades nela? Ou quando adquirimos um produto que precisávamos, e, como uma boa surpresa, percebemos que ele é muito além do que o esperado?

Então, um bom robô de lances é exatamente assim.

Vai muito além da vantagem de inserir os lances de uma forma ágil no pregão eletrônico.

E sem dúvida os seus benefícios superam o simplório argumento do “apenas desempenho”.

Se você também acha que a vantagem competitiva anunciada pelo robô de lances foi prejudicada com o Decreto 10.024/19 e seus novos modos de disputa, te convidamos a continuar essa leitura.

Porque usar uma ferramenta que automatiza o envio de lances depois dia 28 de outubro?

Os grandes objetivos da publicação de um novo decreto que regulamenta a modalidade de licitação do pregão eletrônico são:

– Consolidar o pregão eletrônico nos estados e municípios para as suas contratações;

– Ainda “dentro” da lei vigente 8.666/93, se aproximar da futura nova lei geral de licitações e contratos;

– E assegurar a contratação da melhor oferta.

O uso de mecanismos de oferta automática, como apresentaremos a seguir, não anula nenhum destes objetivos citados. Tão pouco prejudica a competição entre os participantes do processo licitatório.

Ao invés disso ele acirra a concorrência, trazendo assim um indiscutível benefício à administração pública, que obtém desta forma a proposta mais vantajosa, intuito maior da licitação.

Conheça agora 10 principais benefícios do robô de lances, além do seu desempenho:

1 – Ele automatiza essa etapa do pregão eletrônico

Automatizar processos significa estabelecer, nas suas práticas de trabalho, mais eficiência, menos custos e um melhor aproveitamento do tempo.

No pregão eletrônico a fase da disputa é decisiva e acirrada. E cada vez mais gente “entra neste jogo”.

Automatizar esse processo, além de te garantir muitos arremates, ainda vai lhe conceder mais tempo, tranquilidade e economia para você desfrutar como desejar.

Agora eu te pergunto: o que você faria com o tempo que economizará ao não precisar acompanhar um pregão? O que você ou sua equipe poderiam fazer pela sua empresa com esse tempo?

2 – Ele garante segurança para os seus envios

Outro forte motivo para empregar a automatização do envio de lances é a garantia de segurança que você terá.

É muito comum que, no calor da disputa, o licitante se equivoque na digitação de algum valor e acabe perdendo a chance de dar um lance certeiro no certame. Ou que, obstinado em levar para casa o contrato, acabe abaixando demais seu preço, arruinando sua possibilidade de lucrar com aquela licitação.

Com a automatização você delegará essas tarefas para uma ferramenta inteligente e, principalmente, “fria”, que buscará garantir para você a melhor lucratividade possível, dentro da margem de preço que você previamente determinou com a sua equipe financeira.

3 – Ele agiliza os envios do seu lance

A agilidade que a automação de envios detém é incontestável e, garantimos, será sempre favorável.

Um robô de lances correto, que sempre respeita os limites de tempo determinados no edital da licitação e do portal, enviará os lances do licitante de forma automática para o pregoeiro. Ser ágil, rápido e certeiro nesta etapa já garantiu a vitória a muitas empresas que adotaram o envio de lances automáticos. E certamente garantirá nos novos modos de disputa.

Afinal de contas, os licitantes ainda precisam disputar seus lugares para garantir a melhor posição. E isso só será possível com uma performance ágil e certeira.

4 – Você não vai errar com ele

Aí vai outra segurança:

Com uma ferramenta tecnológica você evitará erros humanos de digitação. Pois, como você bem sabe, humanos podem errar, robôs não.

Então, elimine a possibilidade de erros no envio de lance que o obrigarão a se justificar com o pregoeiro fazendo você perder uma grande chance.

5 – Você pode fazer vários envios e participar de várias licitações

Com o robô de lances você também tem a possibilidade do envio de lances para vários itens de uma mesma licitação e ao mesmo tempo. E também pode participar de pregões eletrônicos simultâneos.

Mas você não precisará se transformar em dois (ou vários) para isso. Sua empresa poderá receber ganhos multiplicados sem precisar ampliar a equipe.

Mais uma vez eu lhe pergunto: o que você, ou seu funcionário, poderia fazer com o tempo que gasta acompanhando um pregão eletrônico?

6 – Tudo em um

Se você tem a impressão que é preciso “muitos olhos” para acompanhar os lances e o desenrolar de um pregão (imagina de mais de um!), você certamente gostará dessa funcionalidade do robô de lances.

Com ele você pode visualizar os melhores lances do item e as mensagens do chat dentro do próprio sistema do robô. Facilitando o seu trabalho ao vender para o governo.

7 – O robô é personalizável

Um robô de lances também permite que você faça todas as configurações com a antecedência que desejar e dispute simultaneamente quantas licitações forem necessárias.

Você adiciona os portais pelos quais quer participar, estipula seu valor mínimo e customiza cada item, se necessário. Tudo isso em um mesmo lugar, de uma maneira antecipada e unificada.

8 – Tenha mais chances

Como já falamos neste texto, alcançar o primeiro lugar em um pregão eletrônico nem sempre garantirá à empresa o contrato final. Na verdade, ficar em segundo (ou nos lugares seguintes) pode ser um excelente negócio. Com um robô de lances você pode disputar as demais posições quando o 1° lugar ultrapassar seu valor mínimo pré configurado.

Ele buscará para você a melhor posição possível dentro do que ainda possuir de margem. E você pode faturar assim o contrato final se o primeiro colocado não puder apresentar algum documento ou estiver inabilitado de prestar o serviço.

9 – Do Excel para o portal

Com a ajuda de um robô de lances também é possível exportar os itens do sistema para uma planilha do Excel e fazer as alterações desejadas, aplicando fórmulas ou reduzindo com porcentagem de uma maneira que você já está habituado a fazer.

10 – Você ainda será ágil

E por fim, mas não menos importante, com um robô de lances você ainda será ágil e terá um ótimo desempenho. E isso o diferenciará dos seus concorrentes.

Mas o desempenho não deixou de ser, com o novo decreto do pregão eletrônico, o que determina o vencedor em um pregão eletrônico?

Os novos modos de disputa não colocaram abaixo a ideia de que a classificação dos licitantes estava totalmente ligada com a agilidade deles em enviar seus lances?

Na verdade, não. E é muito importante saber isso.

A etapa de lances continuará acirrada no pregão eletrônico e um envio ágil de ofertas determinará sim a continuidade deste jogo.

Tampouco o conhecido “tempo aleatório” (ou randômico), foi excluído no novo pregão eletrônico.

Ele está lá, no modo aberto e fechado.

Pode durar de 1 segundo até 10 minutos, encerrando automaticamente a recepção de lances dentre o período aleatoriamente determinado. Finalizada esta etapa o sistema abrirá para a última fase, onde apenas o autor da melhor oferta e os seguintes com valores de até 10% superiores ao primeiro possam ofertar um lance fechado e decidir, enfim, quem será o vencedor daquela licitação.

Você quer se arriscar e perder a chance de participar desse grupo de finalistas?

Acredite, seu desempenho, além do seu preço, neste “tempo aleatório” definirá se você vai ou não vai para a sessão fechada.

Ou seja, com lances enviados de forma mais rápida, mais correta e mais inteligente, você, inevitavelmente aumenta as chances de vencer a disputa.

Conta na mão ou na calculadora?

Por fim, para ilustrar ainda mais o porquê usar um sistema que automatiza o envio de lances em um pregão eletrônico, podemos usar uma simples analogia.

Podemos sim, sem dúvida, fazer uma conta matemática “na mão”, usando lápis, papel e nossa cabeça.

Porém, existe (já há um bom tempo) algo que automatiza esse trabalho com uma sequência de passos ordenados realizando rapidamente cálculos exatos e sem esforço.

Você, que já usou uma calculadora comum ou já usufruiu do Excel, certamente conseguirá fazer os mesmos cálculos sem estes recursos. Mas posso apostar que você preferirá usar essas ferramentas, e por vários motivos.

É muito mais rápido, é muito mais exato e é muito menos trabalhoso.

E ser rápido, certo e fácil é tudo o que qualquer um, empresário e licitante querem hoje em dia.

E porque não aplicar os mesmos benefícios ao disputar um pregão eletrônico.

Você está mesmo preparado para fazer “essa conta na mão”?

 

Quer saber mais sobre o funcionamento e as principais vantagens de usar uma ferramenta que automatiza os lances em um pregão eletrônico? Convidamos você para experimentar a solução tecnológica que mudará sua experiência no árduo processo da disputa em um pregão.

teste grátis

Rio do Sul - SC

Avenida Oscar Barcelos, 1731 – 2º andar, Centro Empresarial Classic, sala 202, Santana, CEP: 89160-314

São Paulo - SP

Avenida Angélica, 2529 - 6º andar, Edifício InovaBra Habitat, sala 112, Bela Vista, CEP: 01227-200